Produtos biológicos: aumentando a eficiência de nutrição das plantas

12 jun, 2024
Agrônomo Eduardo Santana Aires
- Tempo de Leitura: 4 minutos
planta-nascendo-da-terra-com-produtos-biologicos

Certamente, um dos principais e mais conhecidos benefícios dos microrganismos, incluindo aqueles oriundos de produtos biológicos, é a ação na melhoria do solo e disponibilização de nutrientes por meio da decomposição da matéria orgânica, fixação biológica de nitrogênio e solubilização.

Assim, os microrganismos contidos nos produtos biológicos atuam diretamente na fertilidade química do solo, aumentando a eficiência do uso dos nutrientes pelas plantas. Neste artigo, vamos entender  quais os métodos e tecnologias biológicas que, através da bionutrição, melhoram essa eficiência.

Quais são os maiores desafios na absorção de nutrientes feita pelas plantas?

Naturalmente, toda planta possui a habilidade de absorver os nutrientes fornecidos pelo solo através de sua raíz. Cada nutriente se comporta de maneiras diferentes e, por isso, pode chegar à planta de diversas formas.

Seja através do crescimento das raízes até alcançarem os nutrientes disponíveis (a chamada interceptação radicular, que é mais comum entre aqueles nutrientes pouco móveis no solo), pelo movimento dos nutrientes dissolvidos pela água e absolvidos pelas plantas ou pelo processo de difusão na solução do solo ao longo de um gradiente de concentração ou por fluxo de massa da água para as raízes.

Contudo, a disponibilidade pode ser afetada por fatores como o pH do solo, teor de matéria orgânica, textura do solo, temperatura, umidade e atividade biológica do solo.

Mesmo que a análise do solo demonstre a presença do nutriente, esse pode estar indisponível para planta, retido na fase orgânica ou inorgânica, principalmente o fósforo. Assim, a atividade biológica do solo atua diretamente na disponibilização dos nutrientes.

Os microrganismos, principalmente bactérias e fungos, realizam a obtenção dos nutrientes através da decomposição da matéria orgânica no solo, que inclui restos vegetais e animais. Durante esse processo, ocorre a redução da matéria orgânica em menores partes, resultando na liberação de compostos no ambiente.

Esses compostos são nutrientes, hormônios e vitaminas que servem como alimento para a biologia do solo, mas também para as plantas presentes nesse ambiente.  Essa é uma das principais  formas de atuação dos microorganismos para gerar o aumento da eficiência dos nutrientes nas plantas, disponibilizando o que já está no solo ou foi adicionado via matéria orgânica ou fertilizantes.

Quais são os manejos agrícolas que auxiliam na absorção de nutrientes e comos superá-los?

Técnicas de manejo que foquem na qualidade biológica do solo auxiliam na maior absorção e, principalmente, disponibilidade de nutrientes para as plantas. O manejo da biologia do solo inclui técnicas como: rotação de culturas, adubação verde, cultivo em entrelinhas, sistemas de integração de cultivos, tecnologia de fertilizantes, adição de resíduos orgânicos, utilização racional de defensivos e adição de microrganismos no sistema via produtos.

Assim, produtos biológicos auxiliam no aumento da eficiência do uso dos nutrientes a partir de ações específicas, como verificaremos nos parágrafos seguintes.

Os microrganismos atuam diretamente no processo de obtenção de nutrientes pelas plantas. Uma de suas prinpais atuações é na mobilização de fósforo vindo fontes não solúveis no solo.

A partir do fósforo inorgânico (ligado a argila, óxidos de Fe e Al; Presente em minerais secundários, fosfato de Ca, Fe e  Al; em minerais primários, apatitas) os microrganismos atuam na produção de ácidos (orgânicos e inorgânicos), que modificam o pH, para disponibilizar esse nutriente na solução do solo. Como exemplo de ácidos, temos: sulfúrico, málico, oxálico, glocônino etc.

Já no fósforo orgânico a disponibilização ocorre através da ação enzimas, fosfatases ácidas ou básicas pois perfomam em diferentes pHs. O processo de acidificação para disponibilização de fósforo mineral é chamado de solubilização. Por outro lado, quando as enzimas atuam no fósforo orgânico o processo é a mineralização.

Por sua vez,  os grupos que atuam com os dois processos são chamados de microrganismos disponibilizadores de fósforo. Além disso, a planta também interage com essa ciclagem do fósforo no solo, através da liberação de exsudatos (energia) para multiplicação desses microrganismos.

Os microrganismos, bactérias e fungos, disponibilizam o P não disponível para utilizar o nutriente em seu próprio metabolismo. Contudo, durante esse processo e com a disponibilidade do P na solução do solo, a planta absorve e utiliza-o também. Existem bactérias de diferentes gêneros que atuam no processo de disponibilização/mobilização desse nutriente. Algumas delas são: Aspergillus, Pseudomonas, Azotobacter, Saccharomyces, Bacillus etc.

Embora os microrganismos presentes nos produtos biológicos tenham uma função principal, eles também atuam em outros processos da planta. A indução ao crescimento radicular, (proporcionando maior exploração de áreas do solo com acesso a água e nutrientes), a liberação de ácidos ou enzimas (para a mobilização do fósforo retido) e a promoção do crescimento radicular,  que melhora a absorção e a eficiência do nutriente.

De fato, o fósforo é um dos nutrientes mais afetados e estudados pelas atuais tecnologias biológicas. Mas outros nutrientes também são influenciados de forma positiva pela ação dos microrganismos.

Neste sentido, estudos demonstram o aumento nos teores de N, P, K, Ca, Mg, Cu e Zn na aérea de plantas tratadas com bactérias, especialmente quando comparada às plantas que cresceram no mesmo solo mas não receberam tratamento com as bactérias. Isso demonstra que os microrganismos ajudaram a planta no acesso e absorção de nutrientes, aumentando assim sua eficiência.

O futuro da agricultura é a nutrição eficiente com o uso de produtos biológicos

O aumento na eficiência do uso dos nutrientes passa pela adoção de tecnologias biológicas e produtos biológicos ligados a elas. Assim, a Bionutrição é um caminho promissor para proporcionar uma nutrição mais eficiente. Através dela, os microrganismos desempenham um papel importante para agricultura, sendo uma ferramenta para promover práticas agrícolas sustentáveis, uma vez que aumenta a eficiência do uso dos recursos e melhora a saúde do solo.

Os produtos biológicos, focados em Bionutrição, são grandes aliados para o produtor que deseja aumentar a eficiência do uso dos nutrientes da sua lavoura, seja pela exploração do que já está presente no solo ou o que foi aplicado via fertilizantes.

Vale ressaltar que essas tecnologias biológicas devem ser utilizadas em conjunto com os fertilizantes. Isto porque uso integrado dos produtos biológicos com os fertilizantes minerais funciona como uma tecnologia que amplia a qualidade do solo e a produtividade das culturas.

Gostou desse artigo e quer conhecer produtos que potencializam a nutrição de plantas com a máxima eficiência? Saiba mais sobre o Performa Bio e a linha de produtos biológicos, Mosaic Biosciencies.

performa-bio

Este artigo foi útil? Avalie

Média: 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhuma avaliação até o momento! Seja o primeiro a avaliar este post.

Loading...