Dentro da agricultura, existem diferentes formas de fazer o cultivo das culturas. Mas uma coisa em comum é a necessidade do manejo do solo, a fim de prepará-lo para o plantio das lavouras.

Existem dois tipos de cultura: a cultura anual ou chamada de ciclo curto e a cultura perene chamada de ciclo longo.

De acordo com a Embrapa, alguns exemplos de culturas anuais cultivadas são: 

  • soja;
  • trigo;
  • arroz;
  • feijão;
  • milho;
  • mandioca;
  • abacaxi;
  • cana-de-açúcar. 

E as culturas perenes cultivadas são: 

  • laranja;
  • manga;
  • caju;
  • banana;
  • cacau;
  • café;
  • mamão;
  • abacate;
  • pupunha;
  • cupuaçu;
  • coco.

O termo perene representa algo permanente ou que dura vários anos. Por isso, esse tipo de lavoura é aquela que, após ser plantada e concluir um ciclo produtivo, não precisa ser replantada.

Na maioria das vezes, esses plantios envolvem árvores frutíferas. Dessa forma, como apenas os frutos são colhidos, não existe a necessidade de realizar novos plantios. Portanto, a lavoura pode levar mais tempo para ser renovada, garantindo um longo período de trabalho. 

Coffee plantation on farm

Como mencionado anteriormente, independente do tipo de cultura, é preciso realizar o manejo do solo e torná-lo o mais adequado possível para a plantação.

Continue lendo o nosso artigo para entender um pouco mais sobre as técnicas de calagem e adubação.

O que é como fazer calagem?

Com o investimento correto em tecnologias para o solo e novas técnicas de manejo, além de modelos comprovados de cuidados com as lavouras, é possível alcançar melhores resultados de produtividade.

Uma dessas técnicas é a calagem!

De modo geral, a calagem é uma etapa de manejo do solo que tem como objetivo diminuir a acidez e garantir que o solo terá teores adequados de cálcio e magnésio  para a plantação.

Mas como fazer calagem?

As recomendações gerais é que o processo seja realizado cerca de três meses antes do começo da plantação.

O calcário deve ser aplicado de maneira uniforme no solo e com uma profundidade que pode variar entre 0 e 20 centímetros.

Caso a calagem seja feita da maneira tradicional, o passo seguinte é o arado e a gradagem do solo. Entretanto, caso o produtor opte pelo sistema de plantio direto, não é feita a incorporação.

No nosso e-book “Meu Solo Mosaic” você encontra em detalhes todas essas técnicas!

Importância do manejo do solo 

Um manejo eficiente do solo garante uma boa produtividade durante os plantios atuais e dá a possibilidade da manutenção da fertilidade, garantindo uma vida útil muito maior para a área e assegura as produções agrícolas futuras.

Portanto, o processo é indispensável para os produtores que desejam mais produtividade em seus plantios. 

Além disso, outra prática que não pode deixar de ser feita é a adubação. Ela deve respeitar fatores como a região, cultura cultivada, índices de produtividade almejados e capacidade do produtor.

Não se esqueça de consultar esses e outros detalhes no E-book Meu solo Mosaic. Clique aqui para preencher o formulário e baixe agora!

Loading...