Nutrientes

NPK: O ABC da nutrição agrícola

Para termos saúde, precisamos comer diversos alimentos diariamente. Fazemos isso em busca dos nutrientes que cada um deles nos fornece, pois todos são importantes para o nosso corpo.

As plantas também precisam de nutrientes para ficarem saudáveis, especialmente os chamados macronutrientes. Dentre estes, destaca-se a mistura comumente chamada NPK (Nitrogênio, Fósforo e Potássio). Esses nutrientes são essenciais para todas as culturas e por isso pelo menos um deles está sempre presente na fórmula dos fertilizantes.

Você já parou para pensar em todos os nutrientes que você come diariamente e quais são os mais importantes para sua saúde?

O Brasil é o quarto maior mercado de fertilizantes, ficando atrás apenas de China, Índia e Estados Unidos. Atualmente, 80% da matéria-prima (NPK) dos fertilizantes é importada e o Brasil deve atingir a marca histórica de 36,2 milhões de toneladas vendidas em 2019, segundo a Associação Nacional para a Difusão de Adubos (ANDA). Impressionante! Esse valor está vinculado ao aumento do uso de tecnologias no campo, que  fizeram a utilização dos adubos químicos crescer 450% no país nos últimos 30 anos (1989-2019). Nesse mesmo período o aumento médio mundial não passou de 50%.

Agora, vamos conhecer mais sobre cada um desses nutrientes essenciais para a agricultura brasileira:

Nitrogênio (N)

Nutriente de extrema importância para as plantas, fundamental para a fotossíntese, respiração, e cresimento de folhas. Além disso, o N auxilia no desenvolvimento radicular, ou seja, crescimento de raízes para absorção de outros nutrientes.

Quando uma planta apresenta deficiência de Nitrogênio, ela fica com as folhas amareladas e sinais de crescimento lento, causando redução de produtividade, no caso de frutíferas.

Como o Nitrogênio auxilia na fase inicial da planta, ou seja, na estruturação, ele geralmente é recomendado nas primeiras fases de desenvolvimento da planta, logo após o plantio.

Fósforo (P)

Esse nutriente também é fundamental para as plantas pois é responsável pelo controle hormonal no crescimento das plantas. Ele auxilia na floração, na fixação de N, estimula a produção de frutos e sementes, e dá maior resistência ao caule ou talo. Ele é essencial para a planta, do início ao fim do ciclo.

A falta de Fósforo prejudica no crescimento, na quantidade e tamanho dos frutos, causando o atraso na floração. Quando a cor das folhas mais velhas ficam avermelhadas, pode ser devido a deficiência desse nutriente. Sempre indicamos procurar um profissional para auxiliá-lo na identificação.

Potássio (K)

Esse nutriente oferece maior controle à planta de suas funções vitais, atuando em sua estrutura celular. Promove maior absorção  da água, manutenção do pH das células e tecidos, tornando as plantas mais resistentes a pragas e doenças. É essencial para o tamanho, cor e sabor dos frutos.

A deficiência de Potássio pode causar atraso na floração, frutos menores e raízes com crescimento comprometido. A necrose na borda das folhas e o acamamento das plantas podem ser sintomas da falta desse nutriente. Mas fique atento as doses adequadas para cada cultura.

Esses três macronutrientes (NPK) são muito importantes para o desenvolvimento da planta como acabamos de ver, mas existem outros nutrientes como cálcio, magnésio, enxofre, e micronutrientes que também auxiliam no aumento da produtividade. Vamos falar sobre eles nos próximos blogpost, fiquem ligados!

29 Comentários

  1. Gostei muito do informativo
    Vou usar nas minhas rosas do deserto, pois estamos iniciando no mercado de vendas , e planta com o desenvolvimento atrasado não vende…

    1. Que bom que gostou Felipe!
      Continue nos acompanhando que em breve teremos mais conteúdos como esse.

      Ah, siga também nosso perfil no Instagram @nutrisafras e confira nosso dia a dia no campo! 🙂

    1. Oi Flavyo, continue acompanhando nossos conteúdos no site e siga também nosso perfil no Instagram @nutrisafras

      Assim você conseguirá acompanhar todos os nossos conteúdos sobre fertilizantes!

    1. Oi Thiago,
      Para entender mais sobre o assunto, continue acompanhando nossos conteúdos aqui e siga nosso perfil no Instagram @nutrisafras

      🙂

  2. Trabalho com fitossanidade de plantas, Defesa Vegetal, e é muito importante conhecer as deficiências nutricionista, a aplicação correta para não confundir com doenças.

  3. Bom dia à todos.
    As fascinantes ROSAS DO DESERTO estão começando a se popularizar agora e nesta corrida existe muita confusão e informações desencontradas,pergunta; pra vocês qual o nutriente CERTO para as ADENIUM?
    Geraldo Maribondo
    #originowrosadodeserto

    1. Caso o senhor tenha uma produção comercial, precisamos entender qual sistema o senhor cultiva, por exemplo, se é em estufa.
      Importante lembrar que doses elevadas de N podem impedir o florescimento. Para manutenção de rosas em ambientes domésticos, uma adubação 10-0-10 é o suficiente.

      Caso queira uma recomendação personalizada, o ideal seria levar o substrato para análise em um laboratório especializado, pois cultivos protegidos são muito específicos.

  4. Muito boa explicação. As vezes não estendemos por que certas plantas não desenvolvem e ficamos meio que perdidos. Com isso fica mais fácil detectar alguns probleminhas.

    1. Michael, existem muitas variáveis que influenciam na quantidade… O ideal é que você consulte um engenheiro agrônomo para auxiliar nas recomendações.

  5. Boa noite
    Trabalho com a cultura da BANANA.
    Na linha de vcs tem produtos interessantes, no segmento K + B + Mg + S…etc.
    Também por ter N P K separados.
    Sou Gerente Técnico da AGROVISA, , temos 4 filiais aqui no Litoral Norte de SC.
    Tenho interesse em conhecer melhor os produtos.
    Meu contato 47 9 9285 8160

  6. Bom dia muito bom o produto de vocês gostaria de conhecer melhor e até fazer uma cotação de valores com vcs obrigado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Performa Full

Composição: Nitrogênio, Fósforo, Potássio, Magnésio, Enxofre e Boro

Benefícios: Toda a expertise e tecnologia exclusiva da Mosaic Fertilizantes em um único produto. Uma combinação desenvolvida com o equilíbrio perfeito entre MicroEssentials, K-Mag e Aspire, que oferece todos os nutrientes para nutrir sua lavoura do plantio a colheita, facilitando todo processo operacional.

Performa NEO

Composição: Nitrogênio, Fósforo, Potássio, Enxofre e Magnésio

Benefícios: Um blend poderoso e equilibrado com melhor do MicroEssentials e K-Mag. Performa Neo é a solução para a construção do potencial produtivo com maior arranque inicial e desenvolvimento radicular mais vigoroso. Com baixo teor de cloro, favorece a emergência das plantas e o estabelecimento da microbiota do solo. Aumento da fotossíntese e tolerância das plantas a estresse.