Aplicação e Exportação de Nutrientes

Sistema de cultivo sustentáveis e de alta produtividade exigem uma estratégia de aplicação bem pesquisada e estruturada, compreendimento de quais os nutrientes são absorvidos do solo cada vez que que uma cultura é plantada e a incorporação das melhores práticas de manejo. Saiba mais sobre as melhores práticas de aplicação de fertilizantes e exportação de nutrientes por culturas abaixo:

Exportação de Nutrientes por Cultura

Sempre que uma cultura é plantada, nutrientes são absorvidos do solo. Com base na produtividade, saiba qual a quantidade de um nutriente específico é exportado por cada cultura (listado abaixo). Os valores são baseados nas taxas de exportação de nutrientes do Instituto Internacional de Nutrição de Plantas (IPNI) e são indicados abaixo em kilogramas por tonelada da cultura produzida.

Exportação de Nutrientes por Tonelada de Produtos Colhidos (em KG/T)

Cultura N P2O5 K2O Ca Mg S
Soja 59,2 12,6 22,6 2,9 2,3 3,0
Milho 15,8 8,7 5,8 0,5 1,5 1,1
Cana-de-Açúcar 0,77 0,2 0,8 0,4 0,3 0,2
Café 17,1 2,3 18,6 2,7 1,5 1,2
Algodão 20,1 7,1 19,2 6,9 4,0 8,0
Arroz 12,5 5,0 5,3 1,0 1,1 15
Feijão 34,9 9,2 18,5 3,1 2,6 5,7
Fumo 39 15,3 54,0 12,3 30,7 10
Laranja 1,9 0,5 1,8 0,5 0,13 0,1
Trigo 20,1 7,3 4,2 0,2 0,8 1,2
Batata 3,6 0,5 4,0 0,2 0,2 0,4
Banana 1,9 0,7 9,8 0,3 0,3 0,1
Sorgo 15 17,2 4,7 0,3 1,2 1,4
Tomate 2,4 0,9 3,0 0,1 0,2 0,3
Cacau 33 4,6 9,6 1,0 2,0 1,0
Mandioca 2,1 0,5 2,3 0,6 0,3 0,1
Amendoim 34 4,6 10,8 0,5 1,0 2,0
Mamona 29 8,5 8,6 6,2 2,4 2,0

Julho 2015 – Fonte: IPNI

Aplicação de Nutrientes – Melhores Práticas

Uma excelente prática de gestão é utilizar um processo que faça o cruzamento de informações entre gestão do uso de fertilizantes e dados de pesquisas científicas. As melhores práticas de gestão de fertilizantes ajudam a alcançar quatro objetivos: produtividade, rentabilidade, sustentabilidade e saúde ambiental.

Saiba mais sobre aplicação de fertilizantes e as melhores práticas lendo os artigos a seguir.

Blog