A agricultura depende demais do clima e da chuva. Tanto o clima como o solo praticamente determinam o resultado da colheita. No entanto, é possível se conhecer o tipo de solo através de uma simples análise, assim como também é possível corrigi-lo com fertilizantes e corretivos de pH.

Nos resta, então, o clima. O clima é previsível, se comporta mais ou menos do mesmo jeito ao longo dos anos. Se prestarmos bastante atenção, é possível conhecer os padrões e como o clima muda, como se comporta. Mas uma coisa não é possível: controlá-lo.

A agricultura vive assim, à mercê do clima. Se tudo correr bem, perfeito! As coisas funcionam e o resultado é ótimo. Se acontece alguma coisa inesperada no caminho, no entanto, a plantação está em risco.

Agricultura e clima

Sim, é claro que o clima interfere na agricultura, mas como?

Os principais fatores de influência do clima sobre as plantas são a temperatura, a umidade relativa e a chuva. A chuva na hora certa é essencial para a produção. Essa oferta de água em momentos específicos é vital para que a planta se desenvolva corretamente e o momento mais delicado é o plantio. Nos estágios primários de desenvolvimento, a planta exige mais água, isso porque seu sistema radicular ainda não está desenvolvido o suficiente para auxiliá-la. Dessa forma, a água tem que estar mais disponível.

Como citado anteriormente, o agricultor não pode controlar o clima, mas nos casos em que este possui um sistema de irrigação, é possível entregar a água que as plantas precisam, especialmente nos períodos de seca.

Como citado anteriormente, o agricultor não pode controlar o clima, mas nos casos em que este possui um sistema de irrigação, é possível entregar a água que as plantas precisam, especialmente nos períodos de seca.

Os casos mais graves

Apesar disso, grande parte da produção brasileira depende dos sequeiros, que são áreas não irrigadas. Nesse sistema, o produtor depende ainda muito mais do clima, pois toda a água que a plantação irá utilizar vem das chuvas. Temperaturas excessivas e umidade do ar muito baixas também podem causar problemas graves.

No centro-oeste o plantio de diversos grãos e especialmente da soja está sendo atrasado pois a região está sofrendo com uma forte seca. O produtor que realiza o plantio antes das chuvas corre o risco de perder todas as sementes.

A imagem clássica de filmes e até alguns desenhos animados, cenas que mostram a angústia do agricultor aguardando a chuva estão acontecendo agora mesmo. Apesar de precisar esperar o máximo possível até que comecem a vir as águas, o produtor só pode esperar até certo ponto, pois senão todo o calendário de desenvolvimento da cultura pode ser atrapalhado.

Loading...